Notícias » Nova Zelândia

Garoto neozelandês viveu sete anos com uma peça de Lego em seu nariz

Os pais do menino afirmaram à imprensa que não sabiam do ocorrido e ficaram surpresos quando o filho contou o que estava vivenciando

Penélope Coelho Publicado em 17/08/2020, às 12h02

Fotografia do garoto ao lado da peça de Lego que estava em seu nariz
Fotografia do garoto ao lado da peça de Lego que estava em seu nariz - Divulgação /Arquivo pessoal /Mudassir Anwar

Na Nova Zelândia, um garoto chamado Sameer Anwar, de sete anos de idade, chamou a atenção da imprensa local após uma revelação peculiar. Depois de dois anos, o menino contou para os pais que havia colocado uma peça do jogo Lego em seu nariz. As informações são do portal de notícias UOL.

Desesperados, os responsáveis por Sameer tentaram retirar o item do menino, porém, não conseguiram: "Um dia, ele apenas nos disse que havia colocado um pequeno pedaço de Lego no nariz. Tentamos o melhor para retirá-la, mas não saiu nada", afirmou o pai do garoto, Mudassir Anwar, em entrevista ao jornal New Zeland Herald.

Em um hospital os médicos também tentaram retirar a peça, mas, as tentativas não deram certo. Os especialistas levantaram a possibilidade de que talvez o menino tenha se enganado, contudo, se o brinquedo estivesse lá, ele iria sair.

E foi o que aconteceu no último sábado, 15, quando Sameer estava empolgado enquanto comia um cupcake. O menino cheirou o alimento diversas vezes e logo em seguida, começou a se queixar de uma dor no nariz. A mãe do garoto foi ajudá-lo e percebeu que o objeto estava saindo:

"Seus olhos estavam bem abertos e ele disse 'mãe, eu encontrei o Lego! ' Foi um choque", afirmou o pai de Anwar. O homem ainda contou ao jornal que notou a presença de um fungo na peça.