Notícias » China

Golpista que extorquiu seis 'namorados' é presa na China

As vítimas foram enganadas ao mesmo tempo, um dos homens chegou a marcar casamento; entenda o caso

Redação Publicado em 31/03/2022, às 14h30

Mao durante interrogatório
Mao durante interrogatório - Divulgação / Yiwu Public Security

Uma mulher de 42 anos anos foi presa recentemente na China após ter dado um golpe em seis homens ao mesmo tempo. Mao, como foi identificada, fingiu ser namorada de todos eles, que com frequência tinham de presenteá-la com dinheiro e itens caros como roupas de luxo, smartphones e computadores.

Segundo a polícia local, a chinesa tinha histórico de tirar proveito de homens, mas, entre julho e dezembro do ano passado ela decidiu enganar seis pessoas ao mesmo tempo. Estima-se que, durante esse período, Mao tenha arrecadado o equivalente a cerca de R$ 113 mil.

De acordo com informações do UOL, o golpe foi descoberto por uma das vítimas, Yu, que conheceu a mulher por meio de um aplicativo de namoro. Ele chegou a marcar a data do casamento dos dois e entregar dinheiro a Mao para que ela comprasse um vestido de noiva.

Contudo, de uma hora para outra, a chinesa decidiu cancelar o casamento, o que fez com que Yu ficasse desconfiado e a pressionasse para explicar a razão do fim do noivado. Foi assim que Mao acabou confessando. 

Ao descobrir que tudo não passara de um golpe, Yu exigiu todo o dinheiro e os presentes de volta, porém, a golpista se recusou a devolvê-los, de modo que o rapaz acionou a polícia. Mais tarde, o mesmo ficou sabendo, por meio das investigações policiais, que outros cinco homens estavam sendo enganados pela mulher.