Notícias » Estados Unidos

Governo Biden anuncia primeiras sanções contra autoridades iranianas

Segundo o chefe da diplomacia dos EUA, a decisão foi feita com base na violação dos diretos humanos por parte do Irã

Pamela Malva Publicado em 10/03/2021, às 13h00

Joe Biden, presidente dos EUA
Joe Biden, presidente dos EUA - Getty Images

Na última terça-feira, 09, o governo de Joe Biden decretou as primeiras sanções contra autoridades iranianas, que foram acusadas de violarem os direitos humanos. O anúncio aconteceu em meio às expectativas norte-americanas de trazer o Irã novamente para o acordo internacional de contenção do seu programa nuclear, segundo o UOL.

"Hoje, no Conselho de Direitos Humanos em Genebra, expressamos claramente nossa preocupação com os abusos que o governo iraniano continua a cometer contra seus cidadãos. Incluindo a detenção injusta de muitas pessoas em condições deploráveis", notificou Antony Blinken, o chefe da diplomacia dos Estados Unidos, em comunicado.

Emitidas pelo novo presidente norte-americano, as sanções atingem diretamente Ali Hematian e Massud Safdari, dois membros do exército ideológico do Irã, mais conhecido como a Guarda Revolucionária. Entre as proibições decretadas, ambos os iranianos e suas famílias estão, por exemplo, impedidos de entrar nos Estados Unidos.

Logo depois que assumiu a presidência dos EUA, Joe Biden afirmou que o país entrará novamente no pacto nuclear assinado entre o Teerã e as grandes potências, em 2015. Agora, ele exige que o Irã cumpra com suas promessas, limitando seu poder nuclear.

Sobre o Joe Biden 

No dia 7 de novembro, a projeção da agência Associated Press confirmou que o candidato democrata Joe Biden conseguiu atingir 274 delegados — 4 a mais do que o necessário —, sendo eleito o 46º presidente dos Estados Unidos. O presidenciável disputava a vaga contra o republicano Donald Trump, que buscava a reeleição. 

O anúncio da vitória ocorreu após o término da apuração no estado da Pensilvânia. Biden também venceu na contagem de votos totais, com mais de 4 milhões de votos. Veículos como a CNN, The New York Times e NBC apontaram a vitória do democrata.

Joe Biden não apenas será responsável por tirar o título do ex-apresentador de ‘O Aprendiz’, como também baterá um recorde do antecessor: Será o mais velho a assumir o cargo de presidente dos Estados Unidos. Trumpjá havia declarado vitória no dia 4 de novembro, antes mesmo do encerramento da apuração.

Formado em história, ciência política e direito, Biden atuou por algum tempo como advogado antes ir para a área da política. Ele foi um senador bem-sucedido, certa vez tendo até seis mandatos consecutivos. 

As duas últimas vezes que tentou concorrer à presidência, não teve sucesso. Foi nessa segunda tentativa, inclusive, que ele se aproximou de Barack Obama, e os dois políticos acabaram formando a chapa que venceu as eleições de 2008 nos Estados Unidos. Biden foi o vice de Obama durante seus dois mandatos.