Notícias » Brasil

Governo do Amazonas abre as portas para parceria com Elon Musk

O homem mais rico do mundo já manifestou interesse em usar a localidade brasileira para testes da SpaceX

Wallacy Ferrari Publicado em 02/05/2022, às 17h12

Governador do AM, Wilson Lima, em montagem com Elon Musk
Governador do AM, Wilson Lima, em montagem com Elon Musk - Lucas Silva / Secom / Getty Images

O Governo do Amazonas confirmou, no último sábado, 30, publicamente o interesse em cooperar com operações da Starlink no estado brasileiro, como enalteceu o governador Wilson Lima pela agência de comunicação do governo. A empresa é uma subdivisão da SpaceX, do bilionário sul-africano Elon Musk, atualmente considerado a pessoa mais rica do mundo. 

Além de não abrir mão dos empregos gerados na ZFM, seguimos trabalhando para atrair novos investimentos. Elon Musk demonstrou interesse em trazer investimentos para cá e vamos trabalhar para consolidar esse negócio. Venham conhecer a Amazônia. A Amazônia está chamando vocês”, afirmou o governador.

A Starlink já está em processo de formalização no mercado brasileiro para prover serviços de banda-larga, como solicitou em ofício direcionado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), já realizando conferências para ajustar a chegada ao Brasil.

O que é a Starlink

A Starlink é uma empresa subsidiária da SpaceX, também capitaneada pro Musk, que pretende unificar as ações de operação espacial com o lançamento de satélites de longo alcance para a órbita da Terra, de maneira a reverberar em melhorias na transmissão de dados, reverberando na comunicação via internet e telefonia.