Notícias » Inglaterra

Granada da Primeira Guerra é encontrada em praia do Reino Unido

Acredita-se que a bomba foi parar nas pedras da orla graças a uma tempestade que a desenterrou na areia

Wallacy Ferrari Publicado em 27/02/2020, às 10h00

A granada de mão, alojada entre as pedras da praia
A granada de mão, alojada entre as pedras da praia - HM Coastguard Minehead

Em meio a rochas de uma praia em Culver Cliff, na Ilha de Wight, norte da Inglaterra, uma granada de mão foi localizada por um visitante que passeava pela orla. Após notificar as autoridades locais, a área foi isolada para a análise do artefato, porém, não havia explosivos dentro do objeto.

Ao retirar a mesma das pedras, a equipe verificou o item e notou que as características eram de uma bomba confeccionada para uso durante a Primeira Guerra Mundial. A peça encontrada foi rapidamente direcionada para o descarte de maneira correta, visto que, a possibilidade de tempestade na região oferecia riscos a equipe anti-bombas.

A Guarda Costeira de Minehead emitiu uma nota orientando os visitantes a notificar qualquer achado parecido. “Com itens recentes de tempestades como essa podem ser desenterrados, aconselhamos a todos os membros do público se suspeitarem que algo que encontraram no litoral seja material bélico para ligar para o 999 imediatamente e pedir a guarda costeira", dizia o comunicado. Vale lembrar que a região abrigou soldados ingleses em diversas ocasiões.

Desde o início do ano, outros itens relacionados a Primeira Guerra foram encontrados no Reino Unido: um diário de bordo e um rolo de fotografias sobre os momentos mais sombrios  registrados por um recruta da guerra foram encontrados em fevereiro no condado de Leicestershire. Já em janeiro, destroços de um navio alemão foram localizados após uma tempestade em Cornwall.