Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Ucrânia

Guerra contra Rússia deve acabar até o final do ano, projeta ministro ucraniano

Oleksii Reznikov, ministro da Defesa da Ucrânia, opinou sobre o fim do conflito de maneira otimista

Redação Publicado em 06/06/2022, às 10h32

Capital ucraniana Kiev após ataques russos - Getty Images
Capital ucraniana Kiev após ataques russos - Getty Images

O ministro da Defesa da Ucrânia, Oleksii Reznikov, projetou, de maneira otimista, o fim do conflito que o país vive com a Rússia, embora destaque que seja difícil prever quando a guerra finalmente se encerrará.

Em uma declaração feita durante o fórum Globsec-2022, em Bratislava, na Eslováquia, o ministro ucraniano afirmou que acredita observar o término da situação até o final deste ano, de acordo com informações da CNN Internacional.

Segundo Reznikov, as tropas de defesa do país ainda “precisam de armas pesadas, principalmente MLRS, bem como outra artilharia, tanques, sistemas antinavio, sistemas não tripulados, mísseis e defesas aéreas”.

Precisamos deles rapidamente e em quantidades proporcionais à escala das ameaças. A Ucrânia se viu em estado de guerra sem o apoio adequado do mundo democrático”, acrescentou.

“A situação está mudando agora, mas lentamente. Agradecemos a contribuição de cada país que está atualmente com a Ucrânia, que se comprometeu a aumentar a eficácia do apoio internacional”, enfatizou.

‘Natureza da guerra’

O ministro ucraniano afirmou ainda que a “natureza da guerra” mudou, o que fez com que as forças da nação agora necessitem de mais armas, a partir de uma mudança de “filosofia”.

“A Ucrânia mudou sua filosofia no fornecimento de armas. Se no primeiro mês da guerra nos concentramos em obter sistemas portáteis antitanques e antiaéreos, agora a natureza da guerra mudou e precisamos de mais armas”, afirmou Reznikov.

“Na região de Kherson, o exército russo está construindo uma defesa profundamente escalonada. Nosso objetivo é impedir que os cenários russos sejam realizados e libertar nossos territórios o mais rápido possível”, completou.