Notícias » Música

Guitarristas do Charlie Brown Jr. criticam filho de Chorão

Marcão Britto e Thiago Castanho criticam a postura de Alexandre Abrão

Wallacy Ferrari, sob supervisão de Penélope Coelho Publicado em 01/12/2021, às 14h27

Alexandre e os guitarristas reunidos em evento
Alexandre e os guitarristas reunidos em evento - Divulgação / Vídeo / CBJR

Os ex-guitarristas do Charlie Brown Jr. Thiago Castanho e Marcão Britto enfrentam um conturbado capítulo com Alexandre Abrão, filho do ex-vocalista da banda, Chorão; após problemas de registro e uso de marca, os membros remanescentes afirmam que o herdeiro dos direitos não respeita a memória do pai, como afirmaram em vídeo do portal G1, de Santos.

Os entrelaços por direitos e uma tentativa de reunir os integrantes após os óbitos do vocalista e do baixista Champignon são descritos com aversão pelos músicos, como enalteceu Thiago: "Ele bota o ego dele até na frente da memória do pai dele. Eu acho que ele quer aparecer mais que a banda, mais que tudo mesmo”.

"É um absurdo que isso esteja acontecendo. Depois de tanto tempo, ele não tem o mínimo de respeito pelas pessoas que construíram essa história. Esse é o saldo que o Alexandre deixa. Uma falta de maturidade, bom senso, de comprometimento com a própria obra do pai dele", acrescentou Marcão Britto.

Apesar da dificuldade para utilizar o nome, os membros pretendem iniciar uma turnê no ano que vem para celebrar 30 anos do início do conjunto. Alexandre, por outro lado, administra os direitos do pai, que adquiriu os direitos dos outros membros da banda em 2005, após um racha onde a banda teve o baterista, baixista e guitarrista trocados.