Notícias » Argentina

Herança de Maradona conta com casa dada por Fidel Castro, diz jornal argentino

Segundo o Ovación, imóvel dado a Dieguito pelo ex-líder cubano é o mesmo onde o craque argentino viveu seu período de reabilitação em Cuba

Fabio Previdelli Publicado em 06/01/2021, às 11h03

Maradona dando uma camisa para Fidel Castro
Maradona dando uma camisa para Fidel Castro - Divulgação/ YouTube/ Gazeta Esportiva

De acordo com informações divulgadas no jornal argentino Ovación, que foram repercutidas pelo UOL, a herança de Diego Armando Maradona, que faleceu aos 60 anos no fim de novembro, pode ter o acréscimo de um imóvel muito especial: uma casa que foi doada à Dieguito pelo ex-líder cubano Fidel Castro.  

O periódico da Argentina disse que um dos filhos de Fidel, inclusive, teria ligado para representantes do ex-camisa 10 para “lembrar-lhes” que seu pai havia dado uma residência para Maradona, que seria localizada no hotel La Pradera.  

O endereço, além disso, seria o mesmo de uma memória muito importante na vida de Maradona: um centro de reabilitação onde ele teria vivido no início dos anos 2000. O imóvel, segundo os representantes do ídolo argentino, está lotado de objetos que pertenceram a Dieguito.  

“Há fotos, cartas, paredes pintadas como Maradona as pintou”, informou o advogado Mauricio D’Alessandro. “A casa está intacta”. 

Desde a morte do ex-camisa 10, os jornais argentinos tem especulado sobre a fortuna do ídolo e a respeito dos herdeiros que teriam direito a ela. Em vida, Maradona reconheceu formalmente ao menos oito filhos, frutos de relacionamentos com seis mulheres diferentes.  

Acredita-se que a herança do pai será distribuída igualitariamente entre eles. Apesar de seu montante final ainda ser desconhecido, estima-se que o valor que cada um receberá gire em torno de 75 e 100 milhões de dólares.