Notícias » Arqueologia

Nova Excalibur? Espada medieval é encontrada no fundo do rio Vrbas, na Bósnia

Cravada em uma pedra, o raro artefato é a primeira descoberta de espada na região em 90 anos

Alana Sousa Publicado em 23/10/2019, às 14h00 - Atualizado às 14h11

Cena do filme Rei Artur
Cena do filme Rei Artur - Divulgação

Após quase 90 anos sem um achado arqueológico envolvendo espadas na região dos Balcãs, mergulhadores encontraram no fundo do rio Vrbas, na Bósnia, uma espada medieval. O artefato estava cravado em uma pedra, e pesquisadores acreditam que a lâmina foi usada entre o fim do século 13 e começo do século 15.

“É um espécime razoavelmente bem preservado, que é relativamente raro em nossa região, e é por isso que seu resgate e conservação são a prioridade para o museu e para a cidade de Banja Luka e República Sérvia”, afirmou Janko Vracar, historiador do Museu República Sérvia.

A descoberta tem um grande peso científico e histórico, afirma a arqueóloga e curadora do Museu República Sérvia, Ivana Pandzic. “Esta é a primeira espada encontrada perto do sítio arqueológico próximo da cidade medieval de Zvecaj”.

Será necessário um trabalho minucioso para separar a espada da pedra, sem que o objeto fosse danificado. Moradores locais estão comentando nas redes sociais que quem puxar a espada da pedra deverá se tornar o novo líder do país — em referência à espada Excalibur, da lenda do rei Artur.

Confira o vídeo da descoberta abaixo: