Notícias » Personagem

Historiadores criticam vestido de Marilyn Monroe em Kim Kardashian: "motivo de preocupação"

Usado na serenata de aniversário do presidente Kennedy, o vestido é um dos mais famosos da história

Redação Publicado em 05/05/2022, às 09h56

Kim Kardashian com vestido de Marilyn Monroe
Kim Kardashian com vestido de Marilyn Monroe - Getty Images e Divulgação/Vídeo

Desde o Met Gala, evento de moda ocorrido em Nova York na última segunda-feira, 2, a socialite Kim Kardashian vem sendo criticada por historiadores. O motivo foi que a norte-americana usou um vestido de Marilyn Monroe, um dos maiores ícones do século 20, na cerimônia.

Bastante famoso, o vestido foi utilizado pela estrela de Hollywood durante a serenata realizada no aniversário do presidente John F. Kennedy, no ano de 1962, segundo informações da People.

Justine De Young, professora de história da moda no Fashion Institute of Technology, o visual escolhido por Kardashian seria "irresponsável e desnecessário", disse ela em entrevista à People.

"Ela poderia encomendar uma réplica que fosse indistinguível do original. Uma peça tão icônica da história americana não deve ser colocada em risco de dano apenas por um aumento do ego e uma foto", declarou Justine à fonte na terça-feira, 3. "Fazer dieta para caber no vestido original também é uma mensagem infeliz para enviar mais de acordo com os ideais da década de 1960 do que hoje."

Peça única

Semelhantemente, o historiador e colecionador de itens de Monroe, Scott Fortner, disse à People que o visual de Kardashian é "motivo de preocupação".

"Embora eu entenda o apelo de querer usar um vestido tão icônico, não pode ser descartado ou esquecido que alguém além de Marilyn Monroe usando o famoso vestido de 'Happy Birthday, Mr. President' pode ser motivo de preocupação por vários motivos", disse ele.

"O vestido foi feito sob medida para Marilyn Monroe. Não é uma peça pronta. Foi criado pelo designer vencedor do Oscar Jean Louis, que desenhou figurinos para os dois últimos filmes de Marilyn: 'The Misfits' e 'Something's Got to Give'.

"Quando Marilyn soube que iria se apresentar na festa de aniversário do presidente John F. Kennedy, ela entrou em contato com Louis e disse: 'Quero que você desenhe um vestido verdadeiramente histórico, um vestido deslumbrante que seja único.' Ela pediu que fosse um vestido que 'só Marilyn Monroe poderia usar'", argumentou Fortner.