Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Crimes

Homem assassina namorada e morre de ataque cardíaco em seguida nos EUA

O coração do norte-americano, que já tinha 60 anos, aparentemente não aguentou o estresse do crime

Redação Publicado em 08/06/2022, às 14h55

Fotografia da vítima - Divulgação/ Redes Sociais/ Arquivo Pessoal
Fotografia da vítima - Divulgação/ Redes Sociais/ Arquivo Pessoal

Na cidade de Trenton, localizada no estado da Carolina do Sul, EUA, um homem de 60 anos foi descoberto morto no quintal da casa de sua namorada após vizinhos o avistarem inconsciente e contatarem o serviço de emergência. Os esforços da equipe médica para ressuscitá-lo foram em vão. 

Após maiores investigações por parte das autoridades, todavia, foi descoberto que Joseph McKinnon não era o único cadáver no local. Uma sepultura recém-cavada continha o corpo de Patricia Dent, 65, que era a dona da residência e estava em um relacionamento com o primeiro citado.  

Conforme repercutido pelo New York Post, os policiais, após realização de autópsias, chegaram à conclusão que Joseph havia estrangulado sua namorada até a morte, e então sofrido um ataque cardíaco logo após terminar de enterrar seus restos mortais. 

Outros detalhes de relevância a corroborarem com essa interpretação são que, naquele dia, o norte-americano havia deixado de comparecer ao seu trabalho, além de ter passado horas sem responder mensagens ou ligações ao seu celular.

Crime súbito

O inusitado homicídio, cujas motivações morreram junto do perpetrador, deixaram perplexos os conhecidos de Patricia

Estou chocada. Eu não esperava nada disso. Todo mundo que a conheceu gostava dela. Ela sempre foi uma pessoa cheia de energia, principalmente por ainda estar trabalhando aos 65 anos", relatou Pamela Briggs, a irmã gêmea da vítima, durante uma conversa com ao canal televisivo WDBJ.