Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / História

Homem destrói artefatos da Grécia Antiga ao entrar em museu, no Texas

Peças podem valer até US$ 5 milhões, de acordo com a polícia

Isabelly de Lima, sob supervisão de Wallacy Ferrari Publicado em 04/06/2022, às 10h46

Artefatos destruídos no ataque - Divulgação / Museu de Arte de Dallas
Artefatos destruídos no ataque - Divulgação / Museu de Arte de Dallas

Na última quinta-feira, 02, o americano Brian Hernandez, 21, foi detido pela polícia após entrar no Museu de Arte de Dallas, no Texas, e destruir 3 artefatos da Grécia Antiga.

Segundo a polícia, o homem usou uma cadeira de metal para invadir o museu, que estava fechado, na quarta-feira, por volta das 21h45. Durante a ação, Brian destruiu peças de cerâmica grega, datadas de mais de 2.000 anos atrás. Também foi destruída uma cerâmica feita por nativos americanos.

Algumas câmeras de segurança mostram o homem abrindo o recipiente onde os artefatos estavam guardados. Um computador, um banco e um telefone também teriam sido destruídos, como informou o jornal O Globo.

Artefato destruído na última quinta-feira, 02 - Divulgação / Museu de Arte de Dallas

Prejuízos simbólicos

Para Hernandez, foi fixada uma fiança de US$ 100 mil, aproximadamente R$ 478 mil. A polícia afirmou que as peças destruídas estavam avaliadas em mais de US$ 5 milhões, porém, o museu corrigiu a informação posteriormente, dizendo que o valor dos artefatos pode ser inferior.

Quando perguntado o porquê invadiu o museu e atacou os objetos, o homem disse que "ele ficou bravo com sua namorada". Brian foi encontrado por um guarda de segurança, após um sensor ter sido acionado por seus movimentos.