Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Rio Grande do Sul

Homem expõe tatuagem nazista durante jogo de futebol

O torcedor foi expulso do estádio; caso aconteceu no Rio Grande do Sul

Redação Publicado em 15/02/2022, às 12h05

Homem expõe tatuagem com título de livro de Hitler - Divulgação/Youtube/UOL esporte
Homem expõe tatuagem com título de livro de Hitler - Divulgação/Youtube/UOL esporte

No último final de semana, um torcedor do time de futebol Brasil de Pelotas, no Rio Grande do Sul, foi expulso do estádio Bento Freitas, após exibir tatuagem com menção nazista.

A tatuagem em questão traz a frase ‘Mein Kampf’ (‘Minha Luta’, em tradução literal para o português). Esse é o título da autobiografia do líder nazista, Aldolf Hitler. O livro inspirou o movimento na Alemanha.

De acordo com informações publicadas na última segunda-feira, 14, pelo portal de notícias UOL, ao notarem o ocorrido, outros torcedores do time se revoltaram e expulsaram o homem do estádio.

Segundo revelado na reportagem, o torcedor também tinha uma tatuagem de outro símbolo usado pelo exército nazista: a Cruz de Ferro. De acordo com torcedores presentes na ocasião, o sujeito tentou justificar os desenhos, dizendo que se tratava somente do ‘nome de um livro’.

O caso no Rio Grande do Sul aconteceu alguns dias após a polêmica envolvendo o ex-apresentador do Flow Podcast, Monark. Na ocasião, o homem sugeriu a criação de um partido nazista no Brasil.

Vale ressaltar que a defesa do nazismo é crime no país, por se enquadrar na Lei 7.716 de 1989, com pena de 2 a 5 anos de reclusão e também inclusão de multa.

Confira vídeo.