Notícias » Brasil

Homem morre de Covid após recusar vacina “por opinião própria"

Caso aconteceu com jovem de 19 anos em Camocim, no Ceará

Fabio Previdelli Publicado em 26/01/2022, às 13h24

Imagem ilustrativa
Imagem ilustrativa - Pixabay

A Secretaria da Saúde de Camocim, no Ceará, informou na última terça-feira, 25, que um jovem de 19 anos morreu de Covid-19. Portador de fibrose cística, o sujeito havia se recusado a tomar qualquer dose da vacina contra o vírus. 

[A vítima] não havia tomado nenhuma dose de vacina para Covid, por opinião própria", informou a Secretaria. 

O órgão ainda explicou, em nota, que o paciente estava internado no Hospital Regional Norte (HRN), na cidade de Sobral, no interior do estado. Ele acabou não resistindo ao tratamento e faleceu por lá mesmo. 

"Neste momento, nos solidarizamos com na dor da família e amigos. Esclarecemos que todos os casos suspeitos, que evoluem a óbito, são rigorosamente investigados e colhidos materiais para elucidação da causa mortis, através de Comitês estabelecidos pelo Estado, após essa investigação e confirmação da causa de óbito por Covid-19, o óbito pode ser informado e registrado no Boletim Estadual e Municipal", explica a instituição em trecho do comunicado.

A Secretaria da Saúde de Camocim também ressaltou a importância da imunização contra a Covid-19 e dos cuidados sanitários a fim de evitar a disseminação da enfermidade. "Reforçamos a importância da vacinação, do distanciamento social, de manter os cuidados de higiene, bem como o uso de máscaras. Não deixe o vírus se espalhar".