Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

Pescador morre durante passagem de ciclone no Rio Grande do Sul

O ciclone Yakecan atingiu o sul do país na madrugada de terça-feira, 17

Redação Publicado em 18/05/2022, às 13h36

Bombeiros durante resgate do corpo - Divulgação / Corpo de Bombeiros Militar - RS
Bombeiros durante resgate do corpo - Divulgação / Corpo de Bombeiros Militar - RS

Um pescador de 51 anos de idade foi encontrado morto após a passagem do ciclone Yakecan no Rio Grande do Sul, no início desta semana. De acordo com informações dos bombeiros, o corpo foi avistado no Lago Guaíba na manhã de terça-feira, 17.

O homem, que havia ido para a Ilhota do Arado, tentava voltar para Porto Alegre, quando o barco em que se encontrava virou por conta do ciclone. Uma segunda pessoa foi resgatada com vida, conforme informações da CNN.

O diretor do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), Armin Braun, já havia declarado, durante coletiva organizada na última segunda-feira, 16, que o a região sul se encontrava em alerta para desastres.

“Já estamos em coordenação com os municípios do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. Já nos comunicamos com Ministério da Defesa, Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, Ministério da Cidadania e Ministério da Saúde. Sugerimos cadastrar o celular no número da Defesa Civil 40199, com CEP de onde mora para receber informações de alerta no celular”, disse ele.

Ciclone passará por outros estados

De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), após passagem pela costa do Rio Grande do Sul, o Yakecan devera chegar aos estados de Santa Catarina e Paraná e também ao sul do estado de São Paulo. A fonte ainda deu destaque para as rajadas de vento, que podem chegar a 100 quilômetros por hora.