Notícias » Brasil

Homem negro morre após ser espancado em unidade do supermercado Carrefour

O caso aconteceu em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, na noite de ontem (19), véspera do Dia da Consciência Negra

Redação Publicado em 20/11/2020, às 13h36

Homem negro sendo espancado no Carrefour
Homem negro sendo espancado no Carrefour - Divulgação

Na noite da última quinta-feira, 19, um homem negro foi espancado e morto por dois homens brancos na capital do Rio Grande do Sul. João Alberto Silveira Freitas, de 40 anos, sofreu as agressões em uma unidade da rede de supermercado Carrefour.

De acordo com informações do portal de notícias G1, os suspeitos do crime foram presos em flagrante. Trata-se de um segurança do mercado e um policial militar temporário, fora de serviço, ambos não tiveram os nomes divulgados.

O caso aconteceu na véspera do Dia da Consciência Negra (comemorado hoje, 20). Na ocasião, uma equipe do SAMU foi chamada até o mercado e tentou sem sucesso reanimar Freitas, que não resistiu e faleceu no local.

Até o momento não se sabe o que iniciou as agressões, de acordo com a delegada Roberta Bertoldo “A esposa [da vítima] referiu que eles estavam no mercado fazendo compras, que o marido fez um gesto, que ela não soube especificar, para a fiscal. E ele teria sido conduzido para fora do mercado".

Em nota, o Carrefour lamentou o ocorrido e informou que iniciou uma investigação interna sobre o caso, a fim de que os responsáveis sejam punidos. Já a Brigada Militar, informou que os agressores estão presos e terão as condutas investigadas. O vídeo do ocorrido está circulando nas redes sociais, gerando repercussão sobre o caso.