Notícias » Estados Unidos

Idosa não aparece no dia da vacinação e é encontrada morta em casa

Segundo os policiais da cidade de Aberdeen, acredita-se que o cadáver da senhora foi escondido pelo marido durante 12 anos

Pamela Malva Publicado em 18/03/2021, às 13h00

Imagem meramente ilustrativa de viatura policial
Imagem meramente ilustrativa de viatura policial - Divulgação/Pixabay

Durante a campanha de vacinação contra o Coronavírus nos Estados Unidos, enfermeiras da cidade de Aberdeen estranharam a ausência de uma senhora de 80 anos. Segundo o UOL, a mulher não teria comparecido ao posto no dia de sua vacinação.

Preocupadas, algumas das agentes de saúde foram até a casa de Christina Malley, a fim de procurar pela idosa. Quando conversaram com o marido dela, contudo, descobriram que a mulher estaria viajando, segundo contou Daniel Malley, de 78 anos.

Para as enfermeiras, contudo, parecia curioso que a senhora estivesse fora de casa durante uma pandemia, ainda mais com os planos de vacinação em prática. Dessa forma, elas decidiram questionar os vizinhos do casal e constataram que Christina não era vista há anos. Com tais informações em mãos, as profissionais chamaram a polícia.

Questionado pelos oficiais, então, Daniel explicou mais uma vez que sua esposa estava no meio de uma viagem. Pouco convencidos, os agentes da polícia decidiram revistar a propriedade do idoso e, em um dos quartos, fizeram uma descoberta aterrorizante.

Imagem meramente ilustrativa de pessoa sendo vacinada / Crédito: Divulgação

 

Vista pela última vez em 2009, Christina jazia, já sem vida, em uma das camas da casa. Testes confirmaram que o cadáver encontrado pelos oficiais era, de fato, da senhora desaparecida, mas não indicaram a causa da morte, que segue um mistério.

Ao jornal Evening Express, um porta-voz da polícia revelou que "a morte está sendo tratada como inexplicável e as investigações estão em andamento". Nesse sentido, acredita-se que Danielmanteve o corpo da esposa em segredo por cerca de 12 anos, considerando que não se sabe o que aconteceu com Christina entre 2009 e 2021.

“Eu nunca o vi com uma esposa em todo o tempo que morei aqui", disse um vizinho do idoso, em entrevista ao The Sun. Para as pessoas que moravam na região, o caso parece surreal, já que ninguém nunca percebeu qualquer odor vindo da casa ou quaisquer movimentos suspeitos de Daniel, cujo paradeiro tornou-se desconhecido.