Notícias » Arqueologia

Imagens: 110 tumbas curiosas são descobertas no Egito

As sepulturas, que continham tanto esqueletos adultos como de bebês, revelaram ainda diversos artefatos

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 28/04/2021, às 15h59

Fotografia do local da extensa escavação
Fotografia do local da extensa escavação - Divulgação/ Ministério de Antiguidades do Egito

Na última terça-feira, 27, o Ministério de Antiguidades do governo egípcio anunciou a descoberta de um impressionante total de 110 tumbas contendo esqueletos humanos tanto de adultos quanto de bebês. 

Segundo o Live Science, que repercutiu o incrível achado, 73 dos túmulos foram cavados entre 5.500 e 5.000 anos atrás. 

Dentro desse grupo mais antigo de tumbas, várias possuíam formato oval, e os esqueletos eram sepultados em posição fetal e com a cabeça voltada para o oeste, o que é condizente com a crença egípcia de que era essa a direção em que ficava o reino dos mortos. 

Exemplo de cova circular achada no local / Crédito: Divulgação/ Ministério de Antiguidades do Egito

 

Junto aos mortos havia também vasos de cerâmica e uma tigela decorada com padrões geométricos. Foi nessas covas mais antigas que os arqueólogos descobriram potes com restos mortais de bebês. 

Já as 37 tumbas mais recentes, datadas do período por volta de 3.660 e 3.560 anos atrás, foram cavadas em formato retangular e seus cadáveres foram dispostos com o corpo esticado. Também foram encontrados bebês entre essas sepulturas, porém seus ossos estavam em recipientes diferentes dos primeiros. 

A característica que persistiu foi a cabeça voltada para o oeste. Os artefatos encontrados nesse segundo grupo foram anéis de prata e uma pedra com inscrições hieroglíficas. 

A região da descoberta ainda revelou tijolos do Antigo Egito, restos de fornos, amuletos e até mesmo escaravelhos constituídos de pedras semipreciosas, de acordo com o comunicado do governo egípcio. 

Fotografia de vaso encontrado nas covas circulares / Crédito: Divulgação/ Ministério de Antiguidades do Egito

 

Sobre o Egito Antigo 

O Egito Antigo atrai e fascina muita gente no Brasil e no mundo, chamando a atenção não só dos fãs de história, antenados nas últimas descobertas, mas também entre pesquisadores ao redor do globo, que sonham em participar de escavações no país e declarar incríveis descobertas. 

Corriqueiramente são encontrados novos objetos ou investigados monumentos já conhecidos, mas nunca antes abertos, o que gera imagens incríveis de olhar, interiores de túmulos, grandes painéis, pinturas épicas e uma interessante gama de objetos com mais de 3.000 anos.

Além das grandiosas obras de engenharia e arquitetura, os antigos egípcios criaram o calendário, a pasta de dentes, a operação no cérebro e até palavras que usamos no Brasil

Apesar de todo o mistério que cerca grande parte dos feitos dos antigos egípcios, algumas realizações, descobertas e hábitos daquele povo estão hoje entre nós.