Notícias » Roma Antiga

Impressionantes estátuas romanas são descobertas durante obra ferroviária

Revelação impressionante instigou os arqueólogos envolvidos

Redação Publicado em 30/10/2021, às 09h38

Alguns dos itens encontrados
Alguns dos itens encontrados - Divulgação/ HS2

Enquanto realizavam escavações na Inglaterra, arqueólogos se depararam com uma descoberta impressionante. Isso porque eles reveleram três bustos romanos.

A descoberta dos itens que compreendem uma das maiores civilizações da humanidade se deu diante da existência de um projeto ferroviário que visa trens com alta velocidade HS2, conforme divulgado pela companhia em comunicado.

O trabalho dos arqueólogos foi capaz de trazer à tona estátuas, sendo uma representando o rosto de uma mulher e a outra, um homem. Já a última, se tratava apenas do busto que representa uma criança.

O local da descoberta compreende a igreja normanda de St Mary, localizada em Stoke Mandeville, ou seja, sudeste da Inglaterra.

Crédito: Divulgação/ HS2

 

Rachel Wood, que atua como arqueóloga chefe da Fusion JV, envolvida no projeto atual, descreveu o episódio como ‘emocionante’, além de se tratar de uma ‘experiência única.

“Para nós, terminar a escavação com essas descobertas totalmente surpreendentes é além de emocionante”, disse Wood.

Crédito: Divulgação/ HS2

 

“As estátuas são excepcionalmente bem preservadas e você realmente tem uma impressão das pessoas que elas representam — literalmente, olhar para os rostos do passado é uma experiência única”, detalhou ela.

'(...) o que mais pode estar enterrado'

Wood também destacou algo que muitas pessoas imaginam ao se depararem com descobertas arqueológicas: o que mais poderia existir no local escavado?

“Claro, isso nos leva a imaginar o que mais pode estar enterrado sob as igrejas de vilarejos medievais da Inglaterra. Este foi realmente um local único na vida e todos nós estamos ansiosos para ouvir o que mais os especialistas podem nos dizer sobre essas estátuas incríveis e a história do local antes da construção da igreja normanda.”

Crédito: Divulgação/ HS2

 

Vale destacar que as escavações também revelaram outro item impressionante. Isso porque uma jarra romana feita em vidro fora detectada pelos estudiosos. Apresentando um curioso estado de preservação, é possível que o objeto tenha 1.000 anos.