Notícias » Japão

Incêndio que causou 27 mortes no Japão pode ter sido proposital

A polícia da cidade de Osaka investiga o caso, que se deu em uma clínica

Paola Orlovas, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 18/12/2021, às 09h05

Janelas do prédio que pegou fogo
Janelas do prédio que pegou fogo - Divulgação / YouTube / Guardian News

As autoridades da cidade de Osaka, localizada na região de Kansai, no Japão, agora investigam um incêndio em um edifício que trouxe 27 fatalidades e pode ter sido causado de forma proposital.

Entre as vítimas do acontecimento, estão, segundo a Reuters, 17 homens e 10 mulheres, entre 20 e 60 anos de idade, que estão em parada cardiorrespiratória. De acordo com a NHK, ao menos 24 mortes já foram confirmadas. 

A imprensa local reportou que o imóvel era de uma clínica de serviços médicos gerais e saúde mental, que agora está com o interior carbonizado, que só pode ser visto a partir de janelas quebradas. 

De acordo com informações coletadas pelo Japan Today, a polícia acredita que o causador do incêndio seja um homem, entre 50 e 60 anos, que teria visitado a clínica, e não se sabe se ele está entre os mortos.

A polícia afirmou que o sujeito havia colocado um saco de papel com líquido próximo a um aquecedor localizado na recepção da clínica. Ele, então, teria chutado o saco, o que fez com que o fogo acendesse. As informações são do portal de notícias UOL.