Notícias » Mundo

Irã ameaça atacar dentro dos Estados Unidos em caso de resposta aos mísseis

“Desta vez a resposta será na América", afirmou a Guarda Revolucionária Iraniana em rede social

Joseane Pereira Publicado em 08/01/2020, às 07h00

Líder supremo iraniano Ayatollah Ali Khamenei discursando, 8 de janeiro de 2020
Líder supremo iraniano Ayatollah Ali Khamenei discursando, 8 de janeiro de 2020 - Getty Images

A Guarda Revolucionária do Irã afirmou pela rede social Telegram que, se houver alguma resposta ao ataque às duas bases norte-americanas no Iraque, o revide será feito dentro dos Estados Unidos. Segundo a mensagem, "o Pentágono relata que os EUA responderão aos ataques do Irã" e "desta vez a resposta será na América".

A Administração Federal de Aviação (FFA) afirmou que está barrando aeronaves civis dos Estados Unidos de “operar no espaço aéreo sobre o Iraque, Irã e as águas do Golfo Pérsico e do Golfo de Omã". Após os ataques às bases norte-americanas no Iraque, o jornal Fars News, do Irã, divulgou um vídeo sem data onde o aiatolá Seyyed Ali Khamenei defende que os EUA até podem atacar o Irã, mas terão um resultado muito pior para os norte-americanos.

O Serviço Secreto dos Estados Unidos afirmou que "avalia continuamente o ambiente de ameaças que envolve todos os protegidos".