Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Israelenses são flagrados destruindo caixas de ajuda humanitária

Quatro israelenses, entre eles um menor de idade, foram flagrados bloqueando um caminhão e destruindo sua carga para a Faixa de Gaza

Israelenses destroem ajuda humanitária para a Faixa da Gaza - Reprodução/Vídeo/G1
Israelenses destroem ajuda humanitária para a Faixa da Gaza - Reprodução/Vídeo/G1

Nesta segunda-feira, 13, um grupo de israelenses foi gravado bloqueando a passagem de um caminhão que transportava ajuda humanitária e destruindo as caixas que continham alimentos e itens de higiene. A carga tinha como destino a população da Faixa da Gaza

O incidente ocorreu em um posto de fronteira em Hebron, entre a Cisjordânia e Israel, conforme divulgado pelo G1. No vídeo, israelenses são vistos retirando caixas do caminhão, algumas sendo pisoteadas e outras lançadas para fora da via.

Após a repercussão do vídeo, a agência de notícias Reuters verificou a gravação e identificou que o local em questão é o ponto de passagem em Hebron, no sul de Israel, por onde caminhões com ajuda humanitária transitam desde o seu estabelecimento pelo país.

O grupo responsável pela destruição da ajuda humanitária alega que os itens em questão seriam entregues ao Hamas e que Israel não deve "oferecer presentes” ao grupo extremista. Segundo seus advogados, quatro pessoas, incluindo um menor de idade, foram presas no local pela polícia israelense. 

Devastação

Nas últimas semanas, ações como essa têm se espalhado pelo país. Quatro cidadãos israelenses, por exemplo, foram detidos no sul de Israel por impedir um caminhão que transportava assistência humanitária destinada à Gaza.

Esses saques e bloqueios de caminhões ocorrem em um momento em que Israel é pressionado internacionalmente para aumentar o fluxo de ajuda humanitária para Gaza. Até então, a única rota de entrada para o território palestino se dava através da passagem de Rafah, localizada no sul de Gaza, na fronteira com o Egito.

O conflito entre Israel e o Hamas iniciou-se no dia 7 de outubro de 2023, quando o grupo extremista invadiu o território israelense, matando 1.200 pessoas e sequestrando cerca de 250. De acordo com as autoridades de Saúde de Gaza, mais de 35 mil palestinos morreram desde então.


*Sob supervisão;