Notícias » Brasil

Itamaraty demonstra preocupação com situação em Burkina Faso

O Ministério das Relações Exteriores emitiu uma nota pedindo por diálogo

Redação Publicado em 26/01/2022, às 14h59

O presidente deposto Roch Marc Christian Kaboré
O presidente deposto Roch Marc Christian Kaboré - Getty Images

Na noite da última terça-feira, 25, o Ministério das Relações Exteriores divulgou uma nota na qual abordou sobre a atual situação política em Burkina Faso. O país da África Ocidental se encontra em tensão desde o último dia 23, quando o presidente Roch Marc Christian Kaboréfoi deposto por um golpe militar.

No texto, o Itamaraty pede um "diálogo amplo, pacífico e democrático entre as forças políticas do país, com vistas à rápida restauração da ordem constitucional".

De acordo com informações do UOL, a pasta ainda ressaltou a importância de se garantir a "integridade física" do político, que estava no cargo desde 2015, e também a segurança de todos que vivem no território.

Conforme a fonte, no último domingo, 23, soldados realizaram um motim visando a saída dos chefes do Exército nacional, além de maior apoio do Estado na luta contra o radicalismo islâmico, que tem se fortalecido no país.

Nesta quarta-feira, 26, um porta-voz do partido do presidente afirmou à agência de notícias AFP que Kaboré está "bem fisicamente e "em uma residência presidencial sob prisão domiciliar".