Notícias » Brasil

João de Deus é transferido para UTI em Brasília

O ex-médium estava cumprindo prisão domiciliar antes de apresentar quadro médico grave

Giovanna de Matteo Publicado em 26/10/2020, às 08h33

João de Deus
João de Deus - Wikimedia Commons

O ex-médium de 79 anos conhecido comoJoão de Deus foi transferido no último sábado, 24, para a unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Sírio Libanês, no Distrito Federal.

O homem acusado de inúmeros abusos sexuais durante suas "consultas espirituais" cumpria pena domiciliar quando começou a passar mal na última sexta-feira, 23, em sua casa em Goiás. Ele foi atendido em um hospital da cidade de Anápolis, mas depois de apresentar uma piora em seu quadro clínico, considerado de alto risco, foi transferido para Brasília.

João de Deus chegou ao DF ainda consciente, mas com sintomas de cansaço e dor toráxica, provocados por um problema circulatório. Na UTI, apesar do problema grave, continua estável enquanto recebe medicação especial. Não há prognóstico para cirurgia ou alta.

Os abusos

João Teixeira de Faria havia sido preso após diversas acusações no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, onde permaneceu entre dezembro de 2018 e março de 2020. Ele foi solto em março para continuar sua pena em sua residência, considerando o alto risco de contaminação de Covid-19 no presídio.

Não há ainda autorização judicial que permita a saída dele do perímetro estipulado para o prisioneiro, no entanto, sua defesa informou que a comunicação de mobilidade será feita posteriormente, já que se trata de um caso de saúde urgente.