Notícias » Redes Sociais

Leilão de NFT do primeiro Tweet da história é considerado um fracasso

Comprado pelo atual dono por US$ 2,9 milhões, o leilão do token não fungível não correspondeu às expectativas; entenda

Redação Publicado em 15/04/2022, às 10h50

Primeiro Tweet
Primeiro Tweet - Divulgação/Twitter/Jack Dorsey

Aconteceu nesta semana, o evento para leiloar o NFT do primeiro tweet da história, publicado pelo coofundador da rede social Twitter, Jack Dorsey, no ano de 2006.

Colocado à venda inicialmente por US$ 2,9 milhões, o lance máximo do leilão foi considerado um ‘fracasso’: US$ 6.222,36. As informações foram publicadas na última quarta-feira, 14, pelo portal ‘Tilt’, do UOL.

Segundo revelado na publicação, o valor da venda corresponde a somente 0,2% do preço original. O atual proprietário do token não fungível, Sina Estav, falou sobre a baixa procura e afirmou estar surpreso principalmente com uma das ofertas iniciais: a de comprar o NFT por US$ 278.

De acordo com a reportagem, após o fracasso do evento, Estav decidiu encerrar o processo e não aceitou os lances oferecidos por quem participou do leilão. O dono da peça afirmou que após esse episódio, só irá aceitar propostas sérias.

O que é NFT

A NFT, sigla para non-fungible token ("token não fungível", em tradução livre), permite criptografar um arquivo digital para existir um item autêntico, ou seja, uma unidade da obra de arte. Dessa forma, o certificado digital representa um tipo de contrato.