Notícias » Reino Unido

Machados da Idade do Bronze descobertos por jovem iniciante serão expostos em museu britânico

Os impressionantes itens foram localizados em 2018 e a exposição era prevista para abril deste ano — porém, teve de ser transferida pela pandemia de covid-19

Wallacy Ferrari Publicado em 20/08/2020, às 07h53

Harry Platts no sítio arqueológico (à esq.) e um dos itens encontrados (à dir.)
Harry Platts no sítio arqueológico (à esq.) e um dos itens encontrados (à dir.) - Divulgação / Museum of London Docklands

Então recém-formado em arqueologia pela University College London, Harry Platts estava apenas em sua quarta semana de trabalho quando teve acesso a uma descoberta única; em uma sexta-feira, próximo do fim do turno, o pesquisador decidiu se desligar do grupo que examinava o local e, sozinho, avistou um trecho com manchas verdes no solo.

Após chamar a equipe, surpreendeu a todos; era a descoberta do primeiro entre diversos machados impressionantes da Idade do Bronze. A equipe se mobilizou, fazendo cinco horas extras para resgatar o máximo de itens, resultando no resgate de 452 objetos raros, como espadas, pontas de lança e braceletes.

As pontas de machado descobertas por Harry em fotografia / Crédito: Divulgação/Museum of London Docklands

 

A descoberta da carreira de Harry rendeu uma grande comemoração e, hoje dois anos depois, o jovem de 23 anos cursa um mestrado em arqueologia medieval na Universidade de York, graças a localização dos tesouros. Já os itens, catalogados e datados, já foram transferidos para o Museum of London Docklands, na exposição ‘Havering Hoard: A Bronze Age Mystery’.

A exposição será gratuita e estava planejada para ser realizada em abril deste ano, porém, foi interrompida pela proibição da abertura de museus na Inglaterra durante a pandemia do novo coronavírus. A partir de 11 de setembro, os objetos coletados serão as principais estrelas do museu arqueológico.