Notícias » Entretenimento

“Madonna ao quadrado”: a tensa entrevista de Marília Gabriela com a Rainha do Pop

Em 1998, a apresentadora teve apenas 30 minutos para entrevistar o maior símbolo feminino da música, no entanto, a experiência foi 'frustrante'

Wallacy Ferrari Publicado em 29/03/2021, às 15h52

Madonna e Marília juntas durante entrevista em 1998
Madonna e Marília juntas durante entrevista em 1998 - Divulgação / SBT

Em 1998, o SBT estava bem escalado para o time de entrevistadores; nas tardes, os jovens contavam com Serginho Groisman no comando do Programa Livre. Por volta das onze e meia, Jô Soares comandava seu lendário talk-show na emissora de Silvio Santos. Com personalidades da época, ainda tinha Gugu Liberato e Hebe Camargo em seus respectivos programas semanais.

No entanto, a cereja do bolo ficava com a prestigiada jornalista Marília Gabriela. Na época, comandava simultaneamente o SBT Repórter e tinha o próprio talk-show, o “De Frente com Gabi”. Naquele ano, a apresentadora já tinha realizado importantes entrevistas com Chico Anysio e Julio Iglesias, porém, a maior estrela pop do mundo estava na mira de suas perguntas.

De frente com Gabi estaria Madonna, meses após lançar o álbum techno-pop “Ray of Light”. Símbolo musical e visual da segunda metade do século 20, a artista é conhecida pela sinceridade em entrevista. Mesmo assim, o encontro ficou marcado pelo climão.

Marília observa Madonna durante resposta / Crédito: Divulgação / SBT

 

Madonna vs Marília

Em uma postura monossilábica, a cantora respondeu perguntas com palavras rápidas, como 'não' e 'sim', além de questionar o cunho das indagações de Marília pela pronúncia e sentido, visto que algumas eram traduzidas do português. Em uma delas, quando foi perguntada sobre o melhor momento de sua vida, respondeu de maneira breve: “Agora”.

Em determinado momento, a apresentadora pergunta como Madonna se 'definiria', ela logo responde: 'Não quero (me definir) Não é bom fazer isso". Já em outra pergunta, antes de qualquer coisa, a artista logo corta Marília: 'Pergunte sobre isso a outras pessoas'. 

Marília ainda transcorreu pelos principais temas da vida de Madonna, abordando o falecimento da mãe da artista, o último lançamento e até sua influência na modernidade, mas sem sucesso; até mesmo em perguntas simples, como se planejava ter mais um filho, a cantora evitou grandes explicações: “Pode ser que sim, pode ser que não. Eu gostaria, mas eu não posso prever o futuro”.

Em certo momento, a brasileira chegou a dizer para a própria cantora: “Por favor, não seja tão monossilábica!”. Mesmo assim, manteve a defensiva com Madonna, que conseguiu brincar e, ao menos, responder as questões rápidas do bate-bola ao final, onde terminou com ironia; ao ser perguntada da visão de ‘Madonna por Madonna’, brincou: “Madonna ao quadrado”.

Tirando a limpo

Semanas depois, Marília ficou de frente com Astrid Fontenelle no programa Pé na Cozinha, na extinta MTV, declarando que era definitivamente a entrevista mais frustrante de toda sua carreira (até então), não apenas pelas respostas, mas pela busca da apresentadora pela artista.

"Foi um programa de caso pensado; eu coloquei questões que eu achei que ela ia brilhar, deitar e rolar, mostrar a que veio e polemizar. Não foi isso que aconteceu", disse a loira.

A jornalista acrescentou que, acompanhada de 17 funcionários, Madonna ainda convidou fãs para sentarem no chão do estúdio e admirarem sua entrevista — enquanto a equipe do SBT era apenas a loira e o câmera.

Pior ainda foi a negociação; Gabriela revelou que, para a exibição, teve de negociar um número específico de anúncios na programação da emissora, além de publicidade em jornais e revistas.

"Inclusive, recusaram o primeiro plano [de divulgação]. Disseram 'vocês são amadores, isso é uma porcaria!’”, acrescentou a brasileira. Por fim, ainda conseguiu 30 minutos de entrevista, mesmo com um programa tendo uma hora de duração, mas não previa que as perguntas não renderiam o tempo necessário.

"Eu fiz as 28 perguntas e mais algumas porcarias para conseguir completar trinta minutos. O que me deixou muito decepcionada e irritada foi que eu achei que ela era mais inteligente do que esperta, e alí ela mostrou só esperteza", concluiu.

23 anos depois

Theodoro Cochrane, que é filho da apresentadora, relembrou o episódio eternizado na história da TV brasileira. Conforme repercutido pelo Observatório G em fevereiro de 2021, Cochrane disse através de seu canal no Youtube que deixou de ser fã da Rainha do Pop após as respostas para a mãe.

"Foi a única pessoa que fui realmente fã", disse ele. "Até 1998, quando ela deu uma entrevista para minha mãe. E ela foi muito grosseira com a minha mãe. Fiquei put* da vida e parei de gostar da Madonna", explicou.

Enquanto muitas pessoas defendem que a reação de Madonna se deu diante do 'inglês' da apresentadora, outros justificam que o incomodo da artista teria sido causado pelas perguntas serem 'pessoais'. Vale lembrar que na época a cantora divulgava um álbum que pouco lembrava a imagem polêmica de Like a Virgin. 


+Saiba mais sobre o tema através de grandes obras disponíveis na Amazon:

Biografia da televisão brasileira, de Flávio Ricco e José Armando Vannucci (2017) - https://amzn.to/2I33IoX

101 atrações de TV que sintonizaram o Brasil, de Patrícia Kogut (Ebook) - https://amzn.to/2T6sZF0

Almanaque da telenovela brasileira, de Rodolfo Rodrigues (Ebook) -https://amzn.to/2TrzzFn

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W