Notícias » Britney Spears

Mãe de Britney Spears entra com petição para receber R$ 3,6 milhões da filha

Lynne Spears argumenta que o dinheiro seria para pagar seus advogados

Penélope Coelho Publicado em 05/11/2021, às 07h57

Britney e Lynne Spears
Britney e Lynne Spears - Getty Images

Em recente petição de pagamentos a mãe de Britney Spears, Lynne Spears, entrou na Justiça para que a filha pague 650 mil dólares — aproximadamente R$ 3,6 milhões na cotação da moeda — pelos honorários de seus advogados.

A justificativa de Lynne para o pedido que o pagamento saia do bolso da filha é de que a contratação dos advogados aconteceu para tratar do caso da tutela de Britney.

Recentemente, a Justiça norte-americana determinou que o pai da cantora, Jamie Spears, não é mais seu responsável legal, após 13 anos vivendo nesse regime descrito por Britney como abusivo.

De acordo com informações publicadas na última quinta-feira, 4, pelo portal de notícias UOL, Lynne afirma que buscou ajudar a filha a “se libertar do que ela via como uma existência muito controladora”.

Entretanto, recentemente a cantora realizou uma publicação em sua rede social — excluída em seguida — afirmando que a mãe foi a responsável pela ideia inicial de sua tutela.


Sobre o caso

Desde 2008, Spears não possui a capacidade legal de tomar decisões por conta própria, seu pai é o responsável pela tutela. Desde então, Britney tem que pedir autorização para o progenitor. No ano de 2007, a artista passou por uma crise e perdeu a gerência de quase todos os segmentos de sua vida artística e particular.

Britney iniciou uma batalha judicial contra o pai para que pudesse recuperar o controle de sua vida, tanto pessoal quanto de sua carreira. O caso continuará sendo julgado pelas autoridades norte-americanas, contando com inúmeras audiências para discutir a situação da cantora. 

O caso envolvendo Britney ganhou ainda mais espaço na mídia após a divulgação do documentário ‘Framing Britney Spears’.