Notícias » Civilizações

Em imagens: Conheça o ritual indonésio que desenterra cadáveres

Realizada anualmente, durante o mês de agosto, a cerimônia tem como objetivo levar a paz eterna para os falecidos

Fabio Previdelli Publicado em 13/08/2019, às 08h00

None
Crédito: Reprodução

Para muitas culturas, o sepultamento é a última chance de se despedir de alguém que foi importante em suas vidas. As cerimônias são uma maneira de dizer adeus ao corpo físico, mesmo que as boas recordações sempre se façam presentes nas lembranças.

No entanto, um costume um tanto quando bizarro de povos indonésios assegura um evento menos confortável para os mortos. O ritual chamado Ma'Nene, ou cerimônia de limpeza de cadáveres, é comum entre moradores das aldeias de Toraja, em Sulawesi do Sul. A tradição, realizada anualmente todo mês de agosto, consiste em desenterrar os mortos, limpar seus corpos e trocarem suas roupas.

O costume diz que uma pessoa morta só pode descansar em paz se retornar, esporadicamente, à sua terra de origem e à sua antiga moradia. O ritual ainda tem suas peculiaridades, os trajetos dos corpos só podem ser feitos em linha reta; o corpo de crianças também participam da prática e os caixões danificados são arrumados ou substituídos.

O transporte do corpo pelo trajeto fica à responsabilidade dos familiares do falecido. Os antepassados do povo indonésio tinham tanto respeito pelo ritual, que dificilmente viajavam com medo de falecerem longe de suas casas e que seus parentes não conseguissem leva-los todos os anos de volta para casa.

Apesar do ritual não ser tão popular quanto antigamente, ele permanece preservado e ocorre anualmente em nas aldeias de Toraja.

Confira algumas fotos do ritual realizado nas aldeias de Toraja. 

 

Crédito: Reprodução

 

Crédito: Reprodução

 

Crédito: Reprodução

 

Crédito: Reprodução

 

Crédito: Reprodução

 

Crédito: Reprodução