Notícias » Era Viking

Amuleto do martelo de Thor encontrado na Islândia

Amuleto símbolo do orgulho pagão provavelmente data do primeiro século da colonização da ilha

Fábio Marton Publicado em 22/10/2018, às 13h36 - Atualizado às 16h15

Mjolnir era um recado aos que se converteram
Mjolnir era um recado aos que se converteram - Fornleifastofnun Íslands

O objeto acima foi encontrado numa fazenda medieval no Vale de Þjórsárdalur (“thiorsardalur”), sul da Islândia. Na semana passada, quatro objetos foram tirados do solo: uma pedra de amolar, um pino de ferro, uma fivela e o amuleto de arenito simbolizando o martelo de Thor. Um morador local apontou aos arqueólogos para o local do achado, numa antiga fazenda medieval. 

Os objetos ainda não tiveram datação, mas o arqueólogos acreditam datarem do começo da colonização humana na Islândia. A ilha foi ocupada a partir de 874 por noruegueses e outros nórdicos mudando para lá fugindo de conflitos, e também ex-vikings procurando por um modo de vida mais tranquilo, com terras para plantar e águas para pescar.

Amuletos do martelo de Thor (Mjolnir) datam principalmente nos períodos de introdução do cristianismo em territórios nórdicos. A ideia foi copiada do crucifixo cristão, com o sentido oposto: representava o orgulho da fé antiga para os que resistiam à nova.