Notícias » Coronavírus

"Me sinto muito bem”, afirma Evo Morales depois de receber diagnóstico positivo de coronavírus

Ex-presidente da Bolívia testou positivo para covid-19 na última semana

Isabela Barreiros, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 20/01/2021, às 07h00

Evo Morales, ex-presidente da Bolívia
Evo Morales, ex-presidente da Bolívia - Wikimedia Commons

Em sua conta pessoal no Twitter, Evo Morales, ex-presidente da Bolívia, afirmou que estava em boas condições mesmo após ter sido diagnosticado com covid-19 na noite da última terça-feira, 12. As informações foram repercutidas pelo UOL.

"Me sinto muito bem, sob controle de uma equipe médica na clínica Los Olivos [da cidade de Cochabamba]. Agradeço de coração as demonstrações de solidariedade, as ervas, as medicinas e os mates (chás) enviados de Trinidad, Monteagudo, La Paz, Oruro e Cochabamba. Os bolivianos sempre unidos contra a adversidade!", escreveu.

A nota da semana passada, divulgada pelo gabinete de Morales, informava que “ele está estável e recebendo cuidados médicos”. De acordo com o próprio ex-presidente, ele está recebendo ervas medicinais, que faz parte da cultura do país, para permanecer bem.

Após renunciar ao cargo da presidência em 2019, Moralesse exilou na Argentina, onde permaneceu até o final do ano passado. Ele retornou ao país quando seu aliado, Luis Arce, foi eleito presidente. Desde então, sua agenda de reuniões esteve lotada, mesmo com a pandemia da covid-19.

O último desses encontros do político de 61 anos teria na primeira semana de 2021, em Cochabamba, no centro do país. Na ocasião, Morales se reuniu com plantadores de folha de coca.