Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Brasil

Médico em missão humanitária no RS é encontrado morto em abrigo

Os especialistas acreditam que Leandro Medice tenha sofrido um mal súbito durante a missão humanitária no Rio Grande do Sul

Leandro Medice - Reprodução/Instagram/leandromedice
Leandro Medice - Reprodução/Instagram/leandromedice

Na manhã desta segunda-feira, 13, Leandro Medice, um médico cardiologista de 41 anos, foi encontrado sem vida em um abrigo de São Leopoldo, no Rio Grande do Sul. Acredita-se que Medice, que estava na região em uma missão humanitária, tenha sofrido um mal súbito.

Em entrevista concedida ao G1, o acupunturista João Paulo Martins, marido de Leandro, afirmou que o companheiro não tinha histórico de doenças. 

Ele era muito saudável, sempre cuidou da saúde. Nunca teve histórico nenhum de problemas. Eu ainda não consigo acreditar no que aconteceu. Quando me contaram, pensei que fosse brincadeira. Ele foi para ajudar as pessoas e aconteceu essa tragédia", lamentou João Paulo.

De acordo com o marido, Leandro passou toda a semana realizando cirurgias na clínica de estética capilar do casal, localizada na Praia da Costa, em Vila Velha. Ele foi responsável pela organização da viagem ao Rio Grande do Sul com um grupo de amigos, formado por médicos.

+ Tragédia: Como foi a grande enchente de 1941 que afetou o Rio Grande do Sul?

Mal súbito

Além disso, Leandro mencionou em uma ligação que no domingo, 12, trabalhou o dia todo como médico, medindo pressão arterial e prestando os primeiros atendimentos básicos às vítimas da chuva na região.

Ainda no telefone, ele disse ao marido que foi recebido no abrigo com muito carinho, e que, como havia trabalhado o dia todo, descansaria para continuar o trabalho na segunda-feira.

O marido acrescentou que, ao amanhecer, o médico não estava no ponto de encontro no horário combinado. “Ele sempre foi muito pontual. As amigas foram até ele e já o encontraram morto”, relatou.

Antes de dormir, mostrou o vídeo do nosso casamento às amigas que viajaram com ele e contou como tudo tinha sido maravilhoso. Esse foi o último assunto da noite, segundo as próprias médicas", concluiu João Paulo ao G1.

*Sob supervisão;