Notícias » Brasil

Menino não percebe que foi baleado e continua brincando

O caso aconteceu na virada de ano, no litoral Sul de São Paulo; a bala alojada próxima ao coração não será removida

Penélope Coelho Publicado em 04/01/2022, às 11h10

Guilherme de Carvalho da Silva e imagem ilustrativa de arma
Guilherme de Carvalho da Silva e imagem ilustrativa de arma - Divulgação/Arquivo pessoal / Divulgação/ Pixabay/ PDPics

Durante a virada de ano, um adolescente de 13 anos foi atingido no abdômen por uma bala perdida. O caso aconteceu em São Vicente, litoral sul de São Paulo. Segundo a mãe de Guilherme de Carvalho da Silva, o menino não percebeu que havia sido vítima de um tiro e mesmo ferido continuou brincando em uma praça da região.

De acordo com informações publicadas nesta terça-feira, 4, pelo portal de notícias g1, a família só percebeu o que havia acontecido quando o jovem reclamou que estava com dor na região abdominal.

"A gente havia acabado de cear. Não demorou meia hora, ele desceu com a mão na ferida, dizendo 'mãe, estou com dor na barriga', e perguntei se ele estava correndo. Achei que fosse uma indigestão, porque ele tinha acabado de comer e correu. Massageei um pouco a barriga dele, e ele reclamando de dor", explicou a mãe, Priscila Sabino da Silva.

A mulher revela que logo em seguida percebeu que o filho estava com um “furo na barriga” e constatou a presença de sangue. Guilherme foi levado às pressas para uma Unidade de Pronto Atendimento, no local, profissionais constataram que o ferimento foi causado por arma de fogo.

O adolescente foi encaminhado para um hospital de Santos, cidade vizinha. Ele precisou passar por cirurgia, após ser constatado que a bala se alojou próximo ao coração. Entretanto, os médicos informam que a bala não precisará ser retirada.

Segundo revelado na reportagem, o menino segue internado, mas, passa bem. A questão do tiro está sendo investigada pela Polícia Militar.