Notícias » Estados Unidos

Menos de um mês após o lançamento, Trump desativa sua rede social

Criada para divulgar os pronunciamentos do ex-presidente, a plataforma não fez o sucesso que o republicano imaginava

Pamela Malva Publicado em 03/06/2021, às 12h00

Fotografia de Donald Trump durante evento oficial
Fotografia de Donald Trump durante evento oficial - Getty Images

Logo nos primeiros dias de maio, o ex-presidente Donald Trumplançou sua própria plataforma de compartilhamento. Na última quarta-feira, 02, contudo, pouco menos de um mês depois, o republicano desativou o blog, segundo narrou o porta-voz Jason Miller.

O anúncio, segundo a agência de notícias ANSA, foi feito em uma entrevista do conselheiro do político à CNBC. Durante a conversa, Miller afirmou que, no final, a plataforma "foi apenas útil para os esforços mais amplos em que estamos trabalhando".

Criada depois que Donald Trump foi banido de outras redes sociais, por onde ele se mostrava constantemente ativo, a plataforma 'From the Desk of Donald J. Trump' era tratada pelo político como um "farol da liberdade" em “tempos de silêncio e mentiras”.

O problema é que a nova rede social (‘Direto da escrivaninha de Donald J. Trump’, em tradução livre) nunca decolou como a equipe do republicano esperava. Isso porque, segundo o UOL, a página não possibilitava qualquer interação com os apoiadores e seguidores do ex-presidente, além do simples compartilhamentos em outras redes.

Dessa forma, a nova ferramenta teve de ser desativada e, com isso, Trump ficou sem redes sociais mais uma vez, após ter sua conta no Twitter, por exemplo, suspensa sob acusação de incitar a violência que culminou na invasão do Capitólio em 06 de janeiro.