Mergulhadores encontram restos de piloto da Segunda Guerra Mundial

A descoberta foi no fundo do Oceano Pacífico. Esqueleto estava perdido há 74 anos

terça 6 março, 2018
Mergulhador examina o local onde os restos foram encontrados
Mergulhador examina o local onde os restos foram encontrados Foto:Reprodução / US Navy

Membros das Forças Armadas dos Estados Unidos recuperaram do fundo do Oceano Pacífico os restos de um piloto que serviu ao país durante a Segunda Guerra Mundial.

Veja mais

A descoberta foi realizada perto da Ilha de Ngerekebesang, na República de Palau, como parte do Projetct Recover ("Projeto Recuperar"), que tem como objetivo tirar do mar os objetos e encontrar os locais onde hoje repousam os pilotos abatidos durante a Segunda Guerra Mundial, para avisar aos parentes e dar a eles um enterro honrado. 

Com o passar dos anos, os destroços encontrados – que incluem a aeronave – foram cobertos pela areia. As escavações foram realizadas por uma equipe de recuperação subaquática composta por membros do Exército, da Marinha e da Força Aérea dos EUA. A equipe realizou vários mergulhos – cada um com uma hora de duração – para conseguir preencher cestas de resgate que estavam cheias de sedimentos do fundo mar.

Uma das cestas usadas para remover os sedimentos

"A equipe de recuperação subaquática passou semanas escavando a área com o apoio de várias ferramentas arqueológicas e inspecionando meticulosamente os sedimentos que estavam no fundo do mar", diz Tim Emge,oficial da 7 Frota dos Estados Unidos, divisão da Marinha do país, em um comunicado. A identidade do piloto só será revelada após uma análise completa ser realizada nos restos encontrados e o comunicado à família.

Thiago Lincolins


Leia Mais:

Receba em Casa

Vídeos

Mais Lidas

  1. 1 Crianças que nasceram como resultado do horrível programa Há 82 anos, nazistas começavam seu repugnante programa de ...
  2. 2 Os quatro milênios da Babilônia
  3. 3 Uma tempestade chamada Pagu
  4. 4 Inquisição: A fé e fogo
  5. 5 Marginália: As alucinadas ilustrações dos livros medievais