Notícias » Primeira Guerra

Mergulhadores encontram submarino da Primeira Guerra Mundial na Tunísia

Derrotada em meados de 1917, a embarcação foi tomada pela vida marítima, mas conta com algumas partes em ótimo estado

Pamela Malva Publicado em 08/10/2020, às 17h00

Fotografia do submarino francês encontrado na Tunísia
Fotografia do submarino francês encontrado na Tunísia - Divulgação/Club de Plongée Ras Adar

No dia 21 de setembro, um grupo de mergulhadores encontrou um impressionante submarino da Primeira Guerra Mundial em Cabo Bon, uma península da Tunísia. Abatida por alemães em meados de 1928, a embarcação chamava-se Ariane.

Segundo os próprios mergulhadores, o submarino está tomado por algas e centenas de espécies de animais marinhos. Ainda assim, de acordo com a apuração da AFP, as escotilhas e o periscópio do veículo marítimo estão em ótimas condições.

Logo que encontraram a embarcação os membros do grupo Ras Adar ficaram confusos sobre sua origem. Após diversas pesquisas, no entanto, ficou claro que aquele era o Ariane, o submarino francês que partiu do porto em Bizerte.

Durante o conflito mundial, grande parte do litoral da Tunísia, ao norte da África, foi dominado tropas alemãs. Sendo assim, o Ariane pode ter sido apenas uma as muitas embarcações afundadas e naufragadas pelas bombas da Alemanha.