Notícias » Polônia

Mergulhadores iniciam operação para desativar bomba da 2ª Guerra Mundial

Encontrada na Polônia, a operação deve durar em torno de 5 dias

Giovanna Gomes Publicado em 13/10/2020, às 11h13

A bomba Tallboy
A bomba Tallboy - Wikimedia Commons

Uma bomba gigante encontrada no mar Báltico no ano passado está sendo desativada por uma equipe de mergulhadores poloneses. O detonador de origem britânica, que é da época da Segunda Guerra Mundial, possui 6 metros de comprimento e pesa 5,4 toneladas, sendo que metade de seu peso é composto apenas por explosivos.

A Tallboy, ou bomba "Terremoto", como é conhecida, está a 12m da superfície, sendo que apenas seu nariz está para fora. Ela será removida a partir de um aparelho controlado remotamente e a operação deve durar cinco dias.

As bombas Tallboy começaram a ser desenvolvidas em 1941, pelo engenheiro britânico Barnes Wallis e tinham como objetivo destruir estruturas resistentes às bombas convencionais, por meio do deslocamento do solo provocado pela explosão subterrânea.

Segundo Adam Easton, da BBC de Varsóvia, uma explosão controlada é considerada muito perigosa porque causaria um grande choque sísmico que poderia danificar propriedades distantes.

Cerca de 750 residentes tiveram de deixar a área perto da cidade portuária de Swinoujscie. No entanto, alguns deles se recusaram a ir para um abrigo temporário devido ao medo de contrair coronavírus.