Notícias » Brasil

Mais lidas: Militar sul-mato-grossense que lutou na Segunda Guerra morre aos 100 anos

Januário Antunes Maciel integrou o 1º Regimento de Infantaria em 1944, aos 22 anos, como voluntário

Redação Publicado em 04/05/2022, às 07h49 - Atualizado em 07/05/2022, às 08h00

O ex-combatente Januário Antunes Maciel
O ex-combatente Januário Antunes Maciel - Divulgação/Polícia Militar

Na última segunda-feira, 2, morreu Januário Antunes Maciel, Sargento da Polícia Militar Reformado que lutou na Segunda Guerra Mundial, aos 100 anos no município de Dourados, a 235 km de Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

Ainda não foi informada a causa da morte do ex-combatente. Ele vivia em Dourados com a esposa e filhos, mas era natural da cidade de Ponta Porã, também no Mato Grosso do Sul.

Na Segunda Guerra Mundial

Conforme relatado pelo g1, Maciel entrou para 1º Regimento de Infantaria, conhecido como Regimento Sampaio, em 1944, aos 22 anos, como voluntário, e atuou em batalhas como as de Monte Castello e La Serra. Um tiro na perna fez com que o militar deixasse os campos de batalha e retornasse ao Brasil.

Ele recebeu uma homenagem do comando do 3º Batalhão de Policia Militar de Dourados, onde um dos seus filhos, o Sargento PM Adayde, é lotado. Considerado um “verdadeiro herói”, sua perda foi lamentada.

“Apesar do centenário completo há alguns meses, lamentamos a perda do 3º Sargento PM reformado Januário Antunes Maciel, ultimo ex-combatente da 2ª Guerra Mundial e um verdadeiro herói", diz a nota.