Notícias » África

Misteriosamente, centenas de elefantes são encontrados mortos na África

Os animais sem vida estavam em Botsuana, as autoridades seguem investigando a causa dos falecimentos

Penélope Coelho Publicado em 02/07/2020, às 14h00

Imagem ilustrativa de elefantes na natureza
Imagem ilustrativa de elefantes na natureza - Pixabay

De acordo com reportagem publicada pela BBC, pelo menos 350 corpos de elefantes mortos foram encontrados durante os meses de maio e junho, em Okavango, Botsuana. Esse fato intriga os investigadores, já que nenhuma causa para as mortes em massa foram atribuídas até então.

“É algo totalmente sem precedentes em termos do número de elefantes mortos em um único evento sem relação com a seca.”, afirmou biólogo, ativista da causa e diretor da ONG National Park Rescue, Niall McCann, em entrevista para BBC.

De acordo com McCann, funcionários do National Park Rescue, já haviam avisado as autoridades desses acontecimentos em maio, quando sobrevoaram a região e notaram a presença de elefantes mortos.

Hipóteses

Atualmente, os especialistas trabalham em uma investigação para entender as reais causas dessas mortes. Niall descarta a possibilidade de caça, já que só elefantes estão morrendo e mais nenhuma outra espécie.

O envenenamento acidental dos animais também não é cogitado no momento. Contudo, os estudos apontam para um envenenamento proposital, ou doença. Os pesquisadores chegaram a essas conclusões após analisarem a maneira como os bichos são encontrados, sempre com a face voltada para o chão — o que pode indicar que algo esteja afetando o funcionamento do cérebro desses elefantes.

Essa região da África abriga cerca de 15 mil elefantes, o que corresponde a 10% da população total dos animais no país. Em outros locais próximos, não foram registradas mortes misteriosas desses mamíferos, até o momento. Atualmente, as autoridades continuam firmes nas investigações, para que em breve possam dar novas respostas.