Notícias » Personagem

Monica Lewinsky revela ter tido pensamentos suicidas após escândalo com Bill Clinton

A então estagiária da Casa Branca precisou enfrentar uma volumosa repercussão com apenas 24 anos de idade

Ingredi Brunato, sob supervisão de Thiago Lincolins Publicado em 30/09/2021, às 19h02

Monica Lewinsky e Bill Clinton durante período
Monica Lewinsky e Bill Clinton durante período - 'Divulgação/Vídeo/Youtube

Monica Lewinsky revelou durante uma entrevista ao podcast jornalista David Axelrod, da CNN, que teve pensamentos a respeito de suicídio depois de o mundo ficar sabendo de seu relacionamento com Bill Clinton.

O rosto e o nome de Lewinsky ficaram conhecidos através dos Estados Unidos e do mundo no ano de 1998, quando seu caso com o presidente norte-americano veio a público. 

A notícia tornou-se rapidamente um escândalo sexual que afetou as vidas de tanto o político quanto a estagiária da Casa Branca. Para Monica, todavia, o dano teria sido mais sério. 

Recentemente, ela esteve envolvida na produção da mais recente temporada da série American Crime Story, que reconta o acontecimento. 

"Essa história é sobre pessoas de verdade, e eu estou envolvida nela, mas também é sobre algo maior. Ela reflete algo maior na nossa sociedade. E conforme a sociedade muda, essa história é relevante de maneiras diferentes", contou a hoje ativista em entrevista ao podcast do jornalista David Axelrod, da CNN. 

Segundo Lewinski, ela se sentia em uma situação solução quando tudo aconteceu, e apenas foi capaz de afastar a ideia de tirar sua própria vida com a ajuda de um psiquiatra. "Eu fui muito, muito sortuda", concluiu ela. 

Veja abaixo um Ted Talk em que Monica conta mais sobre sua trajetória pessoal.