Notícias » Estados Unidos

Monumento histórico que marca a chegada dos ingleses à América é danificado com spray

Localizado no estado Massachusetts, nos Estados Unidos, a Plymouth Rock simboliza o desembarque dos Peregrinos de Mayflower, em 1620

Alana Sousa Publicado em 18/02/2020, às 12h30

Plymouth Rock grafitada com tinta vermelha
Plymouth Rock grafitada com tinta vermelha - Divulgação

O monumento histórico Plymouth Rock foi alvo de vandalismo nesta última semana. A pedra, localizada no estado de Massachusetts, nos Estados Unidos, simboliza a chegada de William Bradford e dos Peregrinos de Mayflower, responsáveis por fundar a Colônia de Plymouth, em 1620.

As autoridades não possuem pistas ou suspeitos pelo crime. Mas acreditam que a ação foi realizada no último dia 10, quando os infratores invadiram o local onde a rocha está em exibição pública, no Memorial Park Pilgrim.

A Plymouth Rock foi grafitada com uma tinta vermelha, podem-se observar palavras e números, que ainda não foram decifrados. Além da relíquia histórica, “uma estátua e um banco também foram marcados”, segundo o relatório oficial da polícia da região.

Plymouth Rock antes do vandalismo, onde é possível ver a data da chegada dos colonos / Crédito: Wikimedia Commons

 

Os viajantes ingleses foram essenciais para o desenvolvimento da cidade de Plymouth — também inventaram o Dia de Ação de Graças — e a polícia trabalha com a hipótese de um possível tipo de protesto, afinal essa não é a primeira vez que o monumento é danificado. Em 214, a pedra foi manchada com a palavra “mentira”, e por duas vezes o artefato foi enterrado por ativistas dos direitos dos nativos americanos, como forma de mostrar a destruição causada a seu povo pelos colonos.

“O Departamento das equipes de Conservação e Recreação estão lavando o Plymouth Rock”, informou a jornalista Julianne Lima, que está cobrindo o caso. Será necessário um trabalho minucioso para recuperar a pedra sem causar estragos maiores, enquanto isso, a busca pelos delinquentes continua.