Notícias » Holanda

Morre o engenheiro Lou Ottens, criador da fita cassete, aos 94 anos

O holandês criou o primeiro gravador portátil na década de 1960 para baratear o custo e diminuir o tamanho

Giovanna Gomes Publicado em 11/03/2021, às 07h07

Lou Ottens tinha 94 anos
Lou Ottens tinha 94 anos - Wikimedia Commons

Morreu no último sábado, 6, o engenheiro Lou Ottens, responsável pelo desenvolvimento da fita cassete ainda na década de 1960. O holandês tinha 94 anos e foi o maior responsável pelo fato da empresa de eletrônicos Philips, na qual atuou como chefe de desenvolvimento de produtos, ter sido pioneira.

De acordo com a Rolling Stone, a corporação lançou a novidade no mercado em 1963. Foi um enorme sucesso, já que tratava-se do primeiro gravador portátil, registrado como "Compact Cassete".

A partir de um acordo promovido pela Sony, o design criado por Ottens tornou-se o padrão, de modo que, em todo o globo, pessoas passaram a utilizar o produto exatamente conforme elaborado pelo holandês. Segundo a NME, a estimativa é de que mais de 100 bilhões de fitas cassete tenham sido vendidas ao longo das décadas.

Mas o pioneirismo de Ottens não parou por aí. No ano de 1979, ele participou do desenvolvimento do CD, lançado três anos depois, em 1982. O produto foi um enorme sucesso e calcula-se que cerca de 200 bilhões de unidades tenham sido vendidas.