Busca
Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaYoutube Aventuras na HistóriaTiktok Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Mundo

Mulher mais rica da Austrália exige remoção de retrato de galeria

Bilionária na área de mineração, Gina Rinehart exigiu remoção de obra que a retrata, de Vincent Namatjira, da Galeria Nacional da Austrália

Retrato de Gina Rinehart, de autoria de Vincent Namatjira, e foto da empresária australiana - Reprodução/X/@bdrinkwater / Getty Images
Retrato de Gina Rinehart, de autoria de Vincent Namatjira, e foto da empresária australiana - Reprodução/X/@bdrinkwater / Getty Images

Recentemente, a bilionária australiana Gina Rinehart, presidente do grupo Hancock Prospecting, exigiu que a Galeria Nacional do país retirasse um retrato nada lisonjeiro que a representa em uma exposição do artista Vincent Namatjira. O pedido, no entanto, foi rejeitado.

Segundo o The Guardian, o retrato em questão é um dos vários de autoria de Namatjira em exposição na Galeria Nacional da Austrália sobre o artista aborígene. Embora muitos esforços sejam feitos para a remoção, a instituição afirmou em comunicado que acolheu a obra com satisfação para sua nova exposição:

Desde 1973, quando a Galeria Nacional adquiriu os 'Blue Poles' de Jackson Pollock, tem havido uma discussão dinâmica sobre os méritos artísticos das obras da coleção nacional e/ou em exibição na galeria. [...] Apresentamos obras de arte ao público australiano para inspirar as pessoas a explorar, experimentar e aprender sobre arte", justificam os responsáveis pela galeria.

Vale mencionar que a exibição sobre Vincent Namatjira conta também com imagens de, entre várias personalidades, da rainha Elizabeth II e do ex-jogador de futebol Adam Goodes. Ela ficará em exposição na Galeria Nacional da Austrália até o dia 21 de julho.

Atritos

No ano passado, Gina Rinehart já havia chamado atenção na mídia australiana após retirar um patrocínio de US$ 15 milhões da seleção de netball da Austrália, após pedir que a jogadora de origem indígena Donnell Wallam não carregasse o logotipo de sua empresa, a Hancock Prospecting, em seu uniforme.

Vincent Namatjira se destacou no meio artístico em 2020, tornando-se o primeiro artista aborígene a conquistar o prêmio Archibald com o retrato de Adam Goodes. Com um humor satírico, suas pinturas trazem uma mudança de perspectiva das pessoas em crítica ao poder que possuam.

Vincent Namatjira / Crédito: Getty Images

Nascido na cidade de Alice Springs em 14 de junho de 1983, ele foi criado em um orfanato desde os seis anos, de forma que perdeu, por muito tempo, a conexão com o restante de sua família e sua cultura de origem.

Foi só adulto que ele descobriu mais sobre seu passado e também sua relação com o famoso aquarelista Albert Namatjira, que era seu bisavô, descobrindo assim seu legado artístico e o de sua família.