Notícias » Taiwan

A mulher que se deparou com 4 abelhas dentro do seu olho

No ano de 2019, uma jovem Taiwanesa procurou um hospital para tratar de um incômodo no olho e se surpreendeu com o motivo

Redação Publicado em 14/08/2021, às 09h00

Na imagem, um olho
Na imagem, um olho - Imagem de Daniel Roberts por Pixabay

A Taiwanesa He tinha 28 anos quando, certo dia, percebeu que havia algo de errado com seu olho. Sentia um incômodo como se tivesse sujeira dentro do órgão, mas a sensação não passava ao lavá-lo com água e se tornava cada vez mais insuportável.

Mais tarde, ao procurar um médico, ela descobriria uma causa impensável e totalmente bizarra para seu problema.

No festival Qing Minge

Conforme BBC, G1 e revista Superinteressante na época, tudo começou enquanto He participava do festival chinês Qing Minge, o qual homenageia os mortos anualmente.

Nesta ocasião, as pessoas costumam limpar e enfeitar os túmulos de seus entes queridos. E era isso o que a jovem taiwanesa estava fazendo. Ela retirava ervas daninhas de uma sepultura, quando veio um vento forte.

Túmulos / Crédito: Imagem de Momentmal por Pixabay

 

Instantaneamente, He ficou incomodada com algo em um de seus olhos. Ela chegou a lavá-lo com água, pensando que se tratava de uma simples sujeira, mas não funcionou, pois a sensação estranha não passava. Pouco depois, o órgão começou a inchar, o que tornou a situação ainda mais preocupante.

Procurando ajuda médica

He, contudo, esperou até a manhã seguinte e, vendo que o problema continuava, foi até o Hospital Universitário de Fooyin, localizado no distrito de Daliao, em Kaohsiung. Hong Chi Ting, o médico que a atendeu, ficou impressionado com o que viu ao examiná-la.

Uma abelha da família Halictidae / Crédito: Didier Descouens/Wikimedia Commons

 

“Eu vi algo que parecia com pernas de inseto, então eu as tirei lentamente e coloquei em um microscópio, uma a uma, sem danificar seus corpos”, disse Ting.

Segundo o profissional de saúde, as abelhas tinham 4 milímetros cada. Eram portanto pequenas, o que não as impediu de causar um grande transtorno.

A reportagem informou ainda que a jovem só não perdeu a visão porque não esfregou os olhos, nem mesmo ao lavá-los com água.

 

Os pequenos insetos

As abelhas encontradas no olho de He pertencem à família Halictidae e costumam viver em regiões montanhosas e perto de sepulturas, por todo canto do mundo, segundo o médico.

Ele explica que elas são atraídas pela transpiração humana e geralmente não são agressivas, salvo em casos em que são tocadas.

No caso da mulher taiwanesa, as abelhas permaneceram em seu olho alimentando-se da umidade e do sal de suas lágrimas. Foi assim que elas sobreviveram.


+ Saiba mais sobre animais por meio das obras disponíveis na Amazon:

Animals: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2012) - https://amzn.to/33TNk6r

Life Lessons from the Heart of Horses: How Horses Teach Us About Relationships and Healing, de Kathy Pike (2021) - https://amzn.to/31JdYMA

Ocean: A Visual Encyclopedia, de DK Publishing (2015) - https://amzn.to/31L941I

Animal Kingdom: A Collection of Portraits, de Randal Ford (2018) - https://amzn.to/33QdKWN

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W