Notícias » Brasil

Museu da Língua Portuguesa reabrirá após seis anos com acervo duplicado

Um dos pontos turísticos de São Paulo abrirá as portas novamente no dia 31 de julho, após o incêndio devastador que destruiu parte da instalação em 2015

Alana Sousa Publicado em 13/07/2021, às 12h30

Imagem meramente ilustrativa do Museu da Língua Portuguesa
Imagem meramente ilustrativa do Museu da Língua Portuguesa - Daniel Guimarães/Governo de São Paulo via Agência Brasil

Em dezembro de 2015, um terrível incêndio destruiu grande parte do Museu da Língua Portuguesa. Após seis anos fechado para o público, a instalação irá abrir as portas em 31 de julho, no mesmo local que antes, na famosa Estação da Luz, em São Paulo.

Com um acervo duplicado, o museu contará também com duas novas seções: ‘Línguas do Mundo’, uma exposição com frases nas 23 línguas mais faladas do mundo; e ainda, ‘Falares’, que mostrará ao visitante as diferentes expressões e sotaques do Brasil.

Algumas seções continuam existindo mesmo depois das reformas, como a ‘Praça da Língua’ e ‘Palavras Cruzadas’. O primeiro andar do prédio será dedicado a exposições temporárias, algo que era comum no passado.

Além das mudanças na curadoria e experiência para os visitantes, a segurança foi reforçada no local. Entre os protocolos contra incêndio, a reforma instalou chuveiros automáticos (sprinklers), para evitar uma nova tragédia.

"Uma viga de madeira queimada no dia do incêndio está na entrada do museu para relembrar a história aos visitantes", afirma o curador Hugo Barreto ao portal G1.

No dia 31 de julho, uma transmissão no Facebook e no YouTube no perfil oficial do Museu da Língua Portuguesa comemorará a reabertura em uma cerimônia online.