Facebook Aventuras na HistóriaTwitter Aventuras na HistóriaInstagram Aventuras na HistóriaSpotify Aventuras na História
Notícias / Bahia

Na Bahia, trabalhadores fogem de situação análoga à escravidão e denunciam fazendeiro

A denúncia foi feita na última terça-feira, 2, em Simões Filho, na Bahia

Redação Publicado em 03/08/2022, às 15h09

Casa em que os trabalhadores viviam - Divulgação / PRF
Casa em que os trabalhadores viviam - Divulgação / PRF

Na zona rural de Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador, um homem e uma mulher fugiram de uma fazenda e denunciaram que estavam em situação de trabalho análoga à escravidão. A denúncia ocorreu na última terça-feira, 2.

As vítimas teriam sido atraídas por um anúncio na internet, e, segundo a PRF, os trabalhadores dormiam em um ambiente insalubre e precário, sem direito a cama ou colchões. No local havia a presença de baratas e ratos. A única alimentação que recebiam era feita com produtos já vencidos, os mesmos que eram dados aos animais da fazenda.

As jornadas de trabalho eram exaustivas, sem horário definido para o início e o término das atividades. A cada duas semanas eles podiam ter folga, mas durante os dias comuns eles eram humilhados e recebiam ameaças verbais, segundo o G1.

Banheiro do local em que os trabalhadores eram mantidos - Foto: Divulgação / PRF

Ação oficial

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) afirmou que auditores do trabalho foram até o local do imóvel rural e prenderam o proprietário. Ele foi levado para a sede da Polícia Federal, em Salvador, mas os oficiais não detalharam se ele realmente ficou preso ou se foi liberado depois de prestar esclarecimentos.

Área de trabalho do local em que os trabalhadores viviam, suja e bagunçada - Foto: Divulgação / PRF

Além da PRF, o flagrante foi conduzido por uma ação do Ministério do Trabalho e Previdência (MTP).  Em julho, uma outra operação resgatou 337 trabalhadores em condições de trabalho análogo à escravidão em 22 estados, além do Distrito Federal, sendo que desse total, ao menos 20 foram resgatados da Bahia.


O site Aventuras na História está no Helo! Não fique de fora e siga agora mesmo para acessar os principais assuntos do momento e reportagens especiais. Clique aqui para seguir.