Notícias » Estados Unidos

Na Califórnia, democratas pedem a remoção de estátua de John Wayne

Segundo a nova resolução do Condado de Orange, o ator teria feito comentários racistas durante entrevista, em meados de 1971

Pamela Malva Publicado em 29/06/2020, às 12h30

Retrato do ator John Wayne
Retrato do ator John Wayne - Wikimedia Commons

Na tentativa de "remover símbolos e nomes supremacistas brancos", os líderes do Partido Democrata do condado de Orange, na Califórnia, estão movendo uma resolução contra o ator John Wayne, que morreu em 1979.

Alegando racismo por parte do artista, o documento pede que a estátua de John Wayne seja retirada do aeroporto do condado. As lideranças ainda exigem que o nome da instituição, hoje chamada de John Wayne Airport, volte a ser Orange County Airport.

Segundo o Los Angeles Times, a resolução condena as "declarações racistas e preconceituosas" feitas por John Wayne durante uma entrevista à Playboy, em 1971. Na ocasião, de acordo com o UOL, o ator teria dito: "Eu acredito na supremacia branca até que os negros sejam educados a um ponto de responsabilidade. Não acredito em dar autoridade e posições de liderança e julgamento a pessoas irresponsáveis".

Para Ada Briceño, presidente do Partido Democrata do condado de Orange, "houve esforços anteriores para fazer isso e agora estamos colocando nosso nome e apoio para garantir que haja uma mudança no nome [do aeroporto]".