Notícias » Cultura

Narrativa ficcional conta o amor entre uma judia e um soldado de Auschwitz

O romance histórico “A violinista de Auschwitz”, do jovem escritor brasileiro Gui Ribeiro, é ambientado no cenário conflituoso da Segunda Guerra Mundial

Victória Gearini | @victoriagearini Publicado em 03/05/2021, às 16h38

Capa da obra “A violinista de Auschwitz” (2021)
Capa da obra “A violinista de Auschwitz” (2021) - Divulgação / Amazon

O mais novo lançamento do promissor escritor brasileiro,Gui Ribeiro, apresenta uma história emocionante ambientada no cenário caótico da Segunda Guerra Mundial, revelando detalhes de um dos períodos mais sombrios e tristes da História da humanidade.

A obra “A violinista de Auschwitz” conta a emocionante saga de Evellyn, uma jovem judia que é enviada para o brutal campo de concentração de Auschwitz, após a ocupação nazista na Polônia. 

[Colocar ALT]
A violinista de Auschwitz, de Gui Ribeiro (2021) / Crédito: Divulgação / Amazon

Diante deste fatídico cenário, a jovem violinista não imagina que encontrará esperanças em Ayden, um general alemão. Mesmo desafiando suas crenças e diferenças, o casal constrói um forte vínculo, despertando uma paixão avassaladora.   

Entre sentimentos confusos, caos, opressão, dor e sofrimento, o oficial decide proteger a judia, que por motivos envolvendo seu passado, ultrapassa os limites para mantê-la em segurança, mesmo que isso signifique tirar a vida de um inocente. 

Disponível na Amazon em formato Kindle, “A violinista de Auschwitz”, em suma, trata-se de uma obra emocionante sobre um amor construído em meio aos dias mais sombrios da Segunda Guerra Mundial. 

Confira abaixo um trecho de “A violinista de Auschwitz” (2021): 

O próprio outono trouxera uma neve inesperada, como se alertasse a todos que havia algo errado. A vastidão branca, embora ainda fina e sutil, era amassada incontrolavelmente pela sola das botas pesadas dos soldados, tão lustrosas que refletiam brilho das poucas estrelas estampadas no céu escuro. Suas fardas cansavam seus ombros, enquanto seus cintos pretos com fivelas prateadas definiam suas cinturas. Alguns carregavam um charuto na boca, enquanto outros contentavam-se em se esquentar apenas com o movimento do corpo. 


+Saiba mais sobre esta e outras obras de Gui Ribeiro, disponíveis na Amazon: 

A violinista de Auschwitz, de Gui Ribeiro (2021) - https://amzn.to/3xC3Sw6

Como Escapar de um Casamento, de Gui Ribeiro (2020) - https://amzn.to/3m3ddXa

Passado Perverso, de Gui Ribeiro (2020) - https://amzn.to/2HeH1Bt

Um cupido sem coração, de Gui Ribeiro (2020) - https://amzn.to/3o7sdoU

Antes Que A Maré Baixe, de Gui Ribeiro (2019) - https://amzn.to/3dElApc

Medo Sublime: Um caso da detetive Harley Cleanwater, de Gui Ribeiro (2019) - https://amzn.to/3jhcDDs

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, a Aventuras na História pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Aproveite Frete GRÁTIS, rápido e ilimitado com Amazon Prime: https://amzn.to/2w5nJJp 

Amazon Music Unlimited – Experimente 30 dias grátis: https://amzn.to/2yiDA7W