Notícias » Espaço

Nasa encontra indicativos de possível existência do primeiro planeta fora da Via Láctea

A confirmação do achado ainda pode demorar; entenda

Penélope Coelho Publicado em 26/10/2021, às 18h03

Representação artística do exoplaneta
Representação artística do exoplaneta - Divulgação/NASA/ESA/STScI/Grendler

Na última segunda-feira, 25, a revista Nature Astronomy publicou os resultados de uma pesquisa realizada pela NASA. Segundo o estudo, foram encontradas evidências a respeito de um “candidato a planeta”, fora da Via Láctea.

De acordo com os especialistas, o objeto da análise estaria fora do nosso Sistema Solar, na galáxia Messier 51 e teria aproximadamente o mesmo tamanho do planeta Saturno.

A agência o definiu como um “exoplaneta”, como são chamados os corpos celestes encontrados fora do nosso Sistema Solar. Entretanto, de acordo com os pesquisadores, essa é a primeira vez que evidências desse estilo são capturadas fora da Via Láctea. As informações são do portal Terra.

Segundo a pesquisa, o exoplaneta em questão foi analisado através de um sistema de raio-X,  que se baseia nas inclinações de brilho e superaquecimento que são capturadas na análise.

De qualquer forma, a descoberta ainda precisa de mais dados para que os resultados sejam definitivos. Porém, isso pode ser um problema já que o corpo celeste deve demorar 70 anos para transitar novamente pela órbita da estrela de nêutron na qual foi observado incialmente.

"Infelizmente, para confirmar que estamos olhando para um planeta teríamos que provavelmente esperar décadas para vermos outro trânsito”, afirmou uma das pesquisadoras, Nia Imara, da Universidade da Califórnia.

Mesmo assim, os especialistas não desanimaram e acreditam que tenham um argumento forte para ser analisado no futuro.