Notícias » Arqueologia

Navio de carga europeu de 700 anos é encontrado na Estônia

A relevante descoberta arqueológica foi feita por acaso durante obras civis

Ingredi Brunato, sob supervisão de Wallacy Ferrari Publicado em 30/04/2022, às 14h48

Fotografia do navio encontrado na Estônia
Fotografia do navio encontrado na Estônia - Divulgação/ Priit Lätti

Construtores civis de Tallinn, uma cidade na Estônia, se surpreenderam no início deste mês de abril ao descobrirem uma embarcação medieval durante obras públicas. O navio, de idade estimada em 700 anos, possuía 24 metros de comprimento e 9 metros de largura. 

"Muito provavelmente, é um navio de carga. Como ainda não sabemos a origem das madeiras (as análises ainda são preliminares) é difícil dizer a origem da embarcação", afirmou Priit Lätti, que trabalha para o Museu Marítimo da Estônia e é um dos especialistas encarregados do estudo do achado, em entrevista ao LiveScience. 

Embora a embarcação medieval estivesse com o porão vazio, foram encontrados uma série de artefatos dentro de sua proa (parte frontal), tais como barris, ossos de animais, cerâmicas, couro e tecidos. A popa (região traseira), por sua vez, ainda não foi explorada. 

Fotografia da popa do navio / Crédito: Divulgação/ Priit Lätti

Cidade portuária

O achado é particularmente importante para ajudar os arqueólogos a reconstruírem o passado de Tallin, ainda segundo explicado por Lätti ao LiveScience: 

“O desenvolvimento de Tallinn está intimamente relacionado ao comércio marítimo e, embora saibamos bastante sobre os comerciantes e mercadorias, ainda sabemos relativamente pouco sobre os navios que eles usaram", relatou o pesquisador. 
Fotografia da embarcação / Crédito: Divulgação/ Priit Lätt

Neste ponto, a equipe escavando o navio ainda está elaborando o melhor plano para trazer o gigante de madeira para a superfície sem danificá-lo.